sábado, 11 de agosto de 2012

E se fossem como as estrelas?



Apoiada no beiral da janela, ela observava as estrelas. Tão lindas! E tão distantes... Queria poder tê-las, poder tocá-las, mas não podia. Então lhe veio um pensamento perturbador, e ela teve medo. Teve medo de que seus sonhos pudessem ser comparados às estrelas: sonhos lindos. E distantes.

7 comentários:

NL disse...

Amei o texto, lindo!

bjs

#>>> asgarotasdonl.blogspot.com.br

-- disse...

Muito lindoo,ooown
bom,pode retribuir e seguir?
www.supercaprichada.com.br

Larissa disse...

Nenhum sonho é distante a ponto de não podermos tocá-los, é só não desistir deles que eles não desistem de ti. Lindo. beijo

http://vitaminadepimenta.blogspot.com.br

Rock de verdade e atitude disse...

NOSSA MUITO MANEIRO.. GOSTEI MESMO...
rockdeverdadeeatitude.blogspot.com/

@jayfereguetti disse...

Isso me fez lembrar de um livro que eu já li e se chama Noite Estrelada.
Obrigada por visitar o blog.
Pode voltar sempre que quiser
Bjos
http://jayfereguetti.blogspot.com
@jayfereguetti

Katrynna Chacon disse...

Oi, tô te seguindo e adorei o layout do seu blog, muito fofo *-*
Ah, você escreve muito bem, parabéns! (:
Amei a visita!
Beijo :*
http://meu2diario.blogspot.com/

Sempre Bella disse...

oi queridaaa!!!!
seu blog esta muito lindo tbm!!! =)
obrigada pela visita e volte sempre ta? :)
to te seguindo aqui... bom restinho de domingo linda, beijao