quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

tatuagem

:






bjbj



Músicas de hoje!!!!

                                          (o clipe e a letra são super engraçados )

                                               (Eu amooo d++ essa música,muito perfeita )
bjbj

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Inspirações


Romwe Snapback, Cross Tights, Wedges, Pimkie Jacket, Skirt
Skirt, Shoes

      "Possessão"


      Uma história baseada em fatos reais “POSSESSÃO” apresenta-se como um filme tenso e ao mesmo tempo horripilante. Com uma família unia para combater o mal, vamos perceber que a fé é algo que pode essencialmente mudar o rumo de qualquer história. Confiram.



      Filme: Possessão.

      Duração: 92 min.

      Gênero: Suspense/terror.

      Direção: Ole Bornedal.

      Elenco: Jeffrey Dean, Kyra Sedgwick, Madison Davenport, Natasha Calis, Grant Show, Matisyahu. 






      Nota Pessoal: 
      O filme relata a história da pequena ‘Em’, e dos acontecimentos que sucedem-se após a garota encontrar uma misteriosa caixa.

      Foi em uma das tradicionais visitas – temporadas – que a garota fazia ao seu pai, juntamente com sua irmã, que a pequena encontra uma caixa misteriosa e sombria, comprada em um bazar por seu pai. Uma caixa que guardava segredos obscuros e que era estritamente trancada, não possuindo a chave, nem mesmo a própria mulher que a vendera.

      O que ‘Em’ e o pai não sabiam, é que a caixa guardava mais segredos do que todos esperavam. Ninguém conseguia abrir a caixa e a atmosfera da casa ia ficando mais sombria à medida que o comportamento da garota mudava bruscamente.

      Tornando-se agressiva, estressada e sombria, os pais não entendem o motivo de todos os acontecimentos estranhos que sucederam-se após a aquisição da caixa. ‘Em’ precisa abrir a caixa. Toda vez que chega perto a garota sente-se que a caixa deve ser aberta, ela a chama. E a garota não consegue ficar longe dela.

      Começa uma busca desenfreada para se descobrir o que estava deixando a filha de Clyde e Sthephanie, tão obsessiva. Acontecimentos bizarros começam a acontecer, e vão desde pequenos besouros demoníacos, até a possessão completa.

      O filme é bem tenso e sombrio. Eu o classifico com um dos melhores filmes de terror/suspense de últimos tempos. Foi bem produzido e, e tem um enredo interessante e de tirar o fôlego.

      Descobre-se então que o que habitava a caixa era na verdade um dibbuk , um espírito demoníaco que possuía todos aqueles que portavam e fossem donos da caixa – no caso, ‘Em’ – e a garota, já possuída, começa a apresentar sintomas que parecem irremediáveis, tendentes a puxá-la para algo ruim e malévolo. Prestes, a puxá-la para a morte.

      O que resta a família para salvar a pequena ‘Em’ é unir-se e ter fé, para assim um cardeal, vindo de longe, pudesse livrar-se do espírito que atormentava a família.

      Acho que a trilha sonora atrapalhou um pouco o contexto do filme. E é a única coisa negativa com relação ao mesmo. Um música de suspense sem graça e previsível surgia toda vez que algo importante estava para acontecer.

      A trilha sonora de um filme é algo como sua identidade. E a escolha da mesma não foi muito feliz. Então, a impressão que tenho é que o filme seria exatamente perfeito, se a trilha sonora se encaixasse no filme – o que não aconteceu.

      Fora isso, considero o filme realmente fantástico. Enredo, elenco e direção foram escolhidos perfeitamente, dando veracidade e dinâmica a história. Acho também que o diferencial do filme é você saber que aquilo realmente aconteceu – ou possa ter acontecido. As cenas – destacando principalmente a sucessão de cenas decorrentes do meio para o fim do filme – são bem impressionantes e nos deixam meio que chocados ou horrorizados (vulgo a cena em que o dibbuk está saindo pela boca da ‘Em’).

      Baseado em fatos reais, “Possessão” além de dar uma nova cara ao gênero, mostrar-se um filme verdadeiramente real e intrigante, digno de milhões de espectadores.

      Eu realmente amei o filme. Corram para assistir, e...

      sábado, 26 de janeiro de 2013

      Música de hoje!!

      Eu fiquei ouvindo essa música várias vezes ...... eu estou apaixonada pelas músicas do edd sheeran

      o que acham da Zooey?




      Atriz, musicista, compositora e l-i-n-d-a. Começou a sonhar no dia 17 de janeiro de 1980, em Los Angeles - Califórnia. O nome "Zooey" foi inspirado pelo personagem de mesmo nome, "Zooey Glass", do livro Franny and Zooey, de J. D. Salinger. Zooey fez sua estreia nos cinemas em 1999 no filme Mumford e logo se tornou conhecida por seus papéis como coadjuvante/secundária em filmes como Almost Famous (br: Quase Famosos),  Elf em 2003, e The Hitchhiker's Guide to the Galaxy (br: O Guia do Mochileiro das Galáxias). Começou então a interpretar papéis principais em filmes, incluindo Yes Man (br: Sim, Senhor) e (500) Days of Summer (br: 500 Dias Com Ela).Além de ótima atriz, Zooey ainda toca teclado, percussão, banjo e ukelele. Ela já cantou  em vários de seus filmes, e seu primeiro álbum Volume One foi lançado em 18 de março de 2008.



      No dia-a-dia Zooey tem um estilo bem vintage e por incrível que pareça usa pouca calça jeans e quando usa, são normalmente as de cintura alta. Com um sorriso encantador e dona de uma beleza exuberante, a franjinha da Zooey já serviu de espiração para muitas garotas. 
      Hoje, Zooey atua como protagonista da série New Girl  conquista a todos com seu jeito diferente, meigo e muito engraçado (muito mesmo).Com direito a muita loucura e gargalhadas quando a jovem entra em cena. 


      Mas e vocês, o que acham da Zooey?Eu simplesmente adoro ela
      bjbj

      quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

      terça-feira, 22 de janeiro de 2013

      Inspirações



      Topman Sweater, Steve Madden Wedges

          (SPOILER) Episódio 4x15 vai ser emotivo e doloroso


          Já há muito tempo que os fãs teorizavam sobre a morte do Damon nesta temporada.
          Muito devido às interpretações das fotos promocionais e também devido às fotos do set em que Elena parece estar a usar o anel do Damon. Para não falar dos tweets dos actores da série.

          Confere em baixo:


          A Nina Dobrev twittou uma foto dela com o Zach e o seguinte:

          @zach_roerig e eu a gravar uma cena para o episódio 4x15 - tem sido uma espécie de "montanha russa" de semana .
          Parece ser o anel do Damon
          E Nina ainda comentou o tweet da Kat Graham:
          Concordo. Ditto.. Foi mesmo. Épico e de partir o coração. "@KatGraham": Episódio 4x15 feito, um dos episódios mais épicos que fizemos..."
          E para a tristesa, pelo menos de alguns, a morte do Damon foi confirmada e se isso já não bastasse a Elena vai desligar a sua humaninade.

          Felizmente não vamos ficar muito tempo sem ele, pois ele volta no episódio 4x16 - "Bring it On"


          http://vampirediariesportugal.blogspot.com.br/

          Assisti e me apaixonei: (500) Dias com Ela



          Tom Hansen (Joseph Gordon-Levitt) está em uma reunião com seu chefe, Vance (Clark Gregg), quando ele apresenta sua nova assistente, Summer Finn (Zooey Deschanel). Tom logo fica impressionado com sua beleza, o que faz com que tente, nas duas semanas seguintes, realizar algum tipo de contato. Sua grande chance surge quando seu melhor amigo o convida a ir em um karaokê, onde os colegas de trabalho costumam ir. Lá Tom encontra Summer. Eles também cantam e conversam sobre o amor, dando início a um relacionamento. 

          Bem, esta é a sinopse de um filme que assisti e me apaixonei! O enredo é bem divertido (apesar de um pouco paradinho), as cenas são fofas e a trilha sonora é super gostosa de ouvir.  Logo no começo, o narrador deixa claro que não é bem uma história de amor, mas você pode esperar muitas cenas românticas sim. E claro, cenas engraçadas! 

          O mais legal de tudo é que (500) Dias com Ela é um daqueles filmes que deixa uma mensagem bem maneira. Tipo que nada é perfeito, como naqueles contos de fadas em que tudo dura para sempre. Pude pensar bastante em como algumas coisas simplesmente acontecem e... ok, parando por aqui.


          segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

          Inspirações


          Romwe Cross Sweater, Nowistyle Coat
          T Shirt, Bershka Shorts, Dr. Martens Boots


          defined undefined Pensamentos de uma garota



          É ! 
          eu te vi,
          Com aquele sorriso bárbaro no rosto,
          Com aqueles cabelos pretos lisos,
          Algo me encanta em você,
          Só não sei dizer o quê,
          Será seu andar?
          Será o quê ?
          Você me diz ''oi'',
          Eu respondo com  desdem,
          Mas por dentro queria puxar assunto,
          Saber um pouco sobre você.
          Será que o virei amanhã ?
          Será sorte eu o ter visto hoje?
          O que pensa sobre mim?
          Será que pensa que sou um pouco...
          Pouco esquisita?
          Bonita?
          Feia?
          Hey garoto!
          Você acredita em amor à primeira vista?
          Acredita em princesas e príncipes?
          Hey garoto!
          Você está solteiro?
          Hey garoto!
          Será que o futuro prepara algo para nós?
          E ele já está distante,
          enquanto eu fico pensando nele.

          domingo, 20 de janeiro de 2013



          Você disse que nunca ia me deixar sozinha  
          Mas foi embora depois daquela briga 
          Você disse que estava tudo bem
          Mas quando retruquei você não me ouviu.
          Você disse que gostava de mim
          Mas me deixou de lado quando podia me ter nas suas mãos.
          Você me fez acreditar que eu era a unica.
          Quando na verdade, eu nunca fui. 

          A Culpa É Das Estrelas, John Green





          Hazel Grace é uma garota com seus 16 ou 17 anos que desde muito jovem já luta contra o câncer, e este já está em fase terminal. Filha única, Hazel mora com seus pais em uma bela casa em Indianápolis, sua mãe deixou de trabalhar para viver inteiramente a dispor de sua filha e seu pai trabalha duro para sustentá-las e custear o tratamento da filha.

          Em um dia, Hazel é obrigada a ir ao Grupo de Apoio para pessoas que sofrem ou já sofreram com o câncer e dar o seu depoimento de vida. Em uma de suas idas ao grupo de apoio Hazel encontra Augustus Waters, um garoto bonito que já sofreu com o câncer e que hoje possui uma perna de mentirasubstituindo a que foi retirada por causa da doença.

           Após o encontro com Augustus ou Gus (apelido dado carinhosamente por Hazel) a vida da garota muda completamente e assim começa o desenrolar da estória. Durante a sua narrativa, A Culpa É Das Estrelas nos apresenta um misto de sentimentos que Green expõe em cada linha, frase e capítulo. Com doçura, melancolia e diversão, conhecemos a história de Hazel e tudo o que acontece a sua volta.

          A narrativa é feita sob primeira pessoa, sendo assim Hazel. Mesmo que quem esteja narrando seja a Hazel, não temos apenas relatos de sua vida, mas sim da vida de Augustus, e de sua família, sendo todas relatadas por ela.

          Creio que este livro possuiu e ainda possui uma divulgação muito bem feita o que fez nós leitores criarem uma grande expectativa sobre tal, mas, este não foi um livro que eu me apaixonei... Ele possui como vocês podem ver nos comentários na capa, na opinião do Markus Zusak, autor do livro A Menina Que Roubava Livros e agora refeito por mim: “você vai rir,” sim! “Você vai chorar,” bem eu não chorei, mas fiquei tocada com a estória. “Você vai querer mais,” sim quero mais da narrativa do Green.Eu chorei eu ri muito....

          A Culpa É Das Estrelas foi algo significativo ele nos faz parar e pensar nossa vida e no que fazemos. Deste modo, logo após a leitura passemos a dar valor ao que temos e deixemos de reclamar de tudo o que acontece a nossa volta, Gus e Hazel podem até ser um casal de mais um livro que se tornoureconhecido mundialmente. Mas eles são a representação de vários casais que passam por situações angustiantes e que mesmo tendo suas limitações não deixam de viver! Eles nos mostram o verdadeiro valor de um amor e da grande amizade que existe entre pessoas que mesmo com dificuldades nunca deixam de estar juntas.